05/11/2014

Palavras ao Vento: Só nunca esqueça que eu amei você


Por um minuto do meu dia, eu lembrei de você. Naquele minuto eu lembrei de verdade, pensei, repensei, de uma forma que jamais havia colocado na balança da vida. Eu lembrei de você, lembrei de nós. Nós dois caminhando à beira da praia, nós dois de mãos dadas por todos os lugares que passávamos. Das nossas mini viagens juntos, das nossas brincadeiras. Lembrei de nós dois naquele hospital às 23h30 da noite de um domingo, será que você se lembra disso também? Será que se lembra das tardes de domingo preguiçosas que passávamos agarradinhos? Ou dos filmes que víamos? Será que se lembra da minha gargalhada após uma piada boba sua, ou do suor das minhas mãos ao te tocar? Você consegue se lembrar? Consegue?

Por alguns segundos os flashes dos nossos momentos passaram em minha cabeça. Mas você também se lembra, certo? Errado. Só não quer admitir, diz que é isso. Errado, de novo. Eu sempre estou errada. Tenho certeza de que você disse "adeus" falando sério. Tá, eu não sou boa em adivinhas, e nunca tenho certeza de nada. Aliás, eu tinha certeza só de uma coisa, o nosso amor. Já que ele supostamente acabou, não tenho mais certezas. Não, não foi nenhum tipo de joguinho. Aliás, até foi. E eu perdi. Lutei, com todas as minhas forças. Em vão, é claro. Continuo ouvindo a tal música, o resumo da nossa vida, como a maioria das músicas que ouço hoje. Elas se encaixam perfeitamente com o momento. Inclusive essa, a nossa música, segundo eu mesmo. Ela diz: "Me dê algum motivo, por não estar contigo...". Exatamente o que se passa em minha cabeça. Exatamente a pergunta que me faço todos os dias, em vão, pois não obtenho respostas. Bem, talvez eu saiba o motivo. Mas é difícil acreditar que um amor tão lindo se acabou assim. Do nada. Do além. 

Talvez um dia vou ler esse texto e rir de mim mesmo por ter sido ridícula a tal ponto. Eu só queria desabafar, ter um lugar para gritar e dizer o quanto sinto sua falta. Acredite, sinto muito. Sinto muito por você, por mim, por nós. Mas sinto que necessito de um tempo para mim. Para colocar as peças do jogo no lugar, e quem sabe um dia aprender a jogar novamente. E voltar a vencer, como sempre fiz. De cabeça erguida, sorriso no rosto, coração leve. Amor, eu preciso de amor. Amor no peito, no coração, amor na alma. Amor por mim mesmo, que eu até agora não aprendi a ter. Então vamos viver, quem sabe um dia a gente se encontra por aí, nas esquinas da vida. 

"Me desgrace, me odeie, só nunca esqueça que eu amei você." E depois de você, eu nunca mais amei ninguém.

34 comentários:

  1. Que lindo *-* Emocionante ♡

    Www.babimarchi.blogspot.com.br

    ResponderExcluir
  2. Olá.
    Que lindo seu texto, eu ando muito emotiva esses dias e acabei chorando.
    Parabéns pela escrita.
    E não fique lembrando e se perguntando o pq não deu certo.
    Deus tem outros planos na sua vida. Você pode não entender agora, mas como você mesmo citou no texto. Um dia você vai rir.
    Beijos <3

    http://leituradelua.blogspot.com.br

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Oi, Lu! Desculpa por te fazer chorar, não foi minha intenção, juro <3
      Muito obrigada.
      É isso que eu procuro acreditar, Deus sabe de todas as coisas né? Ele é maravilhoso!
      Mil beijos.

      Excluir
  3. Me emocionei com o texto Katlyn e me identifiquei também, já passei por isso. Se precisar, estou aqui.

    http://www.eucurtoliteratura.com/

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Tá todo mundo emotiva hoje hahaha sua linda!! Pode deixar, você sabe que também pode contar comigo :D

      Excluir
  4. É de sua autoria? Você escreve muito bem, Kat. Escreve ou já escreveu algum livro? Se não, acho que deveria pensar a respeito disso.
    Beijão, linda

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. É meu sim hahaha me inspirei numa música, do Reação em cadeia, você deve conhecer, né? Mas o texto em si é meu.
      Eu adoro escrever crônicas, e inclusive estava escrevendo uma biografia (sim, eu acho que a minha vida é louca o suficiente para se tornar um livro) porém parei pela metade. Queria terminar ainda no começo de 2015, se Deus quiser :D
      É um sonho lançar um livro, acho que não só meu, mas da maioria das meninas que escrevem né? Nem que não seja sucesso de vendas, mas só por ter um exemplarzinho nas minhas mãos já vale o esforço todo.
      Bem, vou pensar a respeito. Por enquanto vou postando os textos da Tag Palavras ao vento, que a propósito, são todos meus, se quiser conferir os outros.

      Excluir
  5. Nossa, muito bonito seu texto, me arrepiou.
    Parabens, você escreve muito bem.

    Beijos
    http://blogmeuniverso.wordpress.com

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Obrigada, Amanda! Quem me dera hahaha beijos

      Excluir
  6. Aguarde, tem um olho na minha lágrima. Sério emocionei...
    Seu blog é perfeito, já estou seguindo e amando. Depois dá uma olhada no meu likeadreeam.blogspot.com.br

    ResponderExcluir
  7. Nossa que texto cheio de sentimento, um texto forte, talvez seja assim por se tratar de um texto sobre amor e para piorar um amor que acabou. O fim de um relacionamento não é fácil, mais um dia superamos e lembramos dos momentos bons com carinho ou então esquecemos a maior parte da história.

    Beijos da Bia!
    Plumas e Paetês

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Verdade :D assim seja, eu realmente espero :(
      Beijos

      Excluir
  8. Vc escreve muito bem Katlyn, mas espero que isso apenas "seu talento" e que vc não esteja sofrendo assim de amores de verdade, ok?
    <3

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Obrigada Deusa :) infelizmente não. O texto é meu, e o sofrimento também. É a vida né hahahaha beijos!

      Excluir
  9. Que lindo, me apaixonei pelo texto e como toda mulher eu já passei por isso 😭
    Escreveu muito bem, parabéns!!!

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. É uma coisa que acontece com todos nós, mais cedo ou mais tarde né Aline?
      Obrigada!
      Beijo

      Excluir
  10. Adorei o texto, muito bem escrito.. Conseguiu passar o que você sente de uma maneira muito doce, parabéns!!

    www.blogueiranobusao.blogspot.com.br

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Obrigada, Paula :D eu tentei né hahaha
      Beijos

      Excluir
  11. Katlyn, amo a música que inspirou seu texto! E acho que seu texto conversou super bem com ela e captou a essência. Muito bom :)
    Beijos e continue escrevendo.
    Iris
    literalmentefalando.com.br

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Obrigada Iris :D também amo hahaha pode deixar
      Beijos!

      Excluir
  12. Omg parabéns estou curtindo muito suas crônicas e guria vc tem talento. Bj grande

    ResponderExcluir
  13. Lindo o seu texto, Kat. Sei que é difícil, eu também já passei por algo muito semelhante, e não há muito o que fazer, o que resta é se apegar ao tempo, pois só ele irá curar a dor que você sente hoje. Fica com Deus linda! E sempre tenha fé e paciência, pois essa angústia um dia vai passar, e como você disse no texto, um dia tu vai rir disso tudo. Nunca se esqueça que TUDO passa!

    Beijão! ♥

    http://thaynanicchio.blogspot.com.br/

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Obrigada Thayná. Exatamente isso, tenho muita fé em Deus e acredito que Ele sabe de todas as coisas, né? :)
      Com certeza!! Só espero que passe logo. Ou melhor, queria só uma razão para voltar a viver bem, sabe? Sem angústias, sem prisões :(
      Beijoos!

      Excluir
  14. Que lindo texto! lindo e triste ao mesmo tempo!

    Espero que você nunca viva isso!

    e vá escrever um livro menina!
    :)

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Infelizmente, eu vivi :( a maioria dos meus textos da Tag Palavras ao vento são criados a partir de momentos ruins :/
      Beijo Ingrid!

      Excluir
  15. Oie, tudo bem?
    Ah, que texto triste Kat,mas textos tristes sempre são sensacionais, são os melhores né? E com o seu não é diferente. Eu sempre escrevia textos assim, já tive essa fase haha Eram textos lindos também :D
    beijos

    www.izabellagrimaldi.com

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Oi Iza, tudo certinho -agora-!
      Muito obrigada :D
      Sério? Tem no seu blog ou em algum lugar? Se não, acho que deveria postar ;)
      Beijos

      Excluir
  16. que lindo o texto chorando aki haha, linda adorei seu blog ja estou te acompanhando e seguindo bjs e muito sucesso...

    http://mariaboniitaa.wordpress.com/

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Haha obrigada Simara, seja bem vinda, beijos!

      Excluir
  17. Cadê meu chocolate depois de ler isso? :'(

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Vou providenciar nos próximos, tia Bela :)

      Excluir

© Hi, Cultura! . Powered by Blogger :: Voltar ao topo imagem-logo